Crescimento profissional

Invista no seu crescimento profissional. Conheça o perfil que as empresas mais buscam

Chegou o tempo em que formação profissional, embora ainda seja fundamental, já não basta para que um profissional seja bem visto no mercado de trabalho e desejado pelas empresas. Com a globalização, a velocidade e a quantidade das informações são exponencialmente maiores que há dez, há cinco anos ou até há dois anos, isso exige muito das empresas, que, por sua vez, precisam de profissionais capazes de se adaptar a todas as mudanças, assimilando as novidades, traçando estratégias e sabendo lidar com alterações no percurso e gerando resultados. Muitas vezes, o tempo de pensar, repensar e agir é muito curto, e o profissional do século XXI precisa estar apto a realizar todas as tarefas com eficiência.

Se você deseja crescer profissionalmente, fique atento às necessidades dos empregadores!

 

CRESCIMENTO PROFISSIONAL: SEJA A DIFERENÇA QUE AS EMPRESAS DESEJAM

Listamos abaixo algumas das principais exigências dos gestores de recursos humanos das empresas.

 

Atualização acadêmica

Foi-se o tempo em que ter um curso superior era sinônimo de estabilidade no emprego. Atualmente, as empresas buscam mais que um profissional “formado”, elas desejam alguém em constante formação. Desse modo, é importante estudar idiomas, fazer MBAs ou outros cursos de especialização e buscar estar sempre atento ao que há de novo, aprender para pôr em prática esses novos ensinamentos. Nunca ache que sabe tudo!

 

Dinamismo

Ser capaz de antecipar os eventos e agir preventivamente é uma das características das pessoas dinâmicas. Não espere que as coisas lhes sejam solicitadas o tempo inteiro, crie oportunidades e faça acontecer. Aja com vigor e mostre vontade em suas ações.

 

Capacidade de se adaptar às mudanças

Você se lembra de como era um escritório há dez anos? De como se comunicava com amigos, familiares e colegas há cinco anos? A oferta de novas tecnologias é constante e elas mudam a desde o modo como conversamos até os processos mais elaborados de uma empresa, seus métodos de produção etc. Tão importante quanto estar atento às novidades é saber se adaptar a elas e utilizá-las no dia a dia.

 

Ter visão global

Realizar suas tarefas com eficiência não é mais que obrigação. Hoje, para se destacar, é preciso conhecer a cadeia de processos. Quem almeja crescer profissionalmente deve entender o funcionamento da empresa e do mercado, pois somente assim é possível ter pensamento estratégico, ou seja, traçar objetivos que alinhem os negócios da empresa às exigências do mercado. Para isso, é fundamental ser um bom observador, ser organizado, ter um bom relacionamento interpessoal com colegas de todos os setores e funções e analisar um problema sob diferentes pontos de vista.

 

Ser multitarefa

A capacidade de executar diversas tarefas é um desdobramento da visão global, e ambas são diferenciais desejáveis em um bom profissional.

 

Espírito de equipe

Um bom líder deve promover o trabalho em equipe, manter a motivação de todos os funcionários e ter um canal de comunicação aberto a críticas ou sugestões, pois isso só fortalece os vínculos, fazendo com que todos queiram fazer o seu melhor em prol de um resultado final. Cada membro da equipe de trabalho deve realizar suas tarefas pensando também em auxiliar os demais sempre que possível/ necessário.

 

Criatividade

Algumas vezes, por mais preparado que seja o profissional, as situações saem do controle. Para lidar com esses problemas excepcionais, é preciso encontrar soluções criativas rapidamente. Novamente aqui, ter uma visão globalizada dos processos é indispensável, assim, você pode atacar o problema em diversas frentes.

 

Crescimento profissional

As relações interpessoais são um terreno delicado em todas as esferas, e em uma empresa não é diferente. São muitas pessoas, com culturas, ideologias e comportamentos diversos. Desse modo, gerir uma equipe não é tarefa fácil e, por isso, muitas pessoas não se acham capazes de executá-la. Há quem de fato não seja capaz de liderar um grupo de funcionários em uma empresa, entretanto, com inteligência emocional – que pode ser aprendida ou desenvolvida – cargos de liderança podem ser ocupados por muitos profissionais que se julgam incapazes.

 

Mas, o que é inteligência emocional?

Para a Psicologia, trata-se de saber perceber, entender, usar e controlar as emoções, ou seja: reconhecer, avaliar e lidar com nossos próprios sentimentos e com os sentimentos alheios em diferentes situações. Saber analisar as situações e as reações de todas as pessoas envolvidas sem se descontrolar emocionalmente é uma característica dos profissionais emocionalmente inteligentes.

A inteligência emocional é fator determinante para manter um bom relacionamento interpessoal, organizar a equipe e negociar soluções, gerando melhores resultados.

 

A AGE do Brasil é uma empresa interessada em seu maior capital, nossos funcionários. Já conhece nosso trabalho? Entenda sobre a terceirização de cosméticos e como nossa indústria viabiliza os planos de nossos clientes.

Crescimento profissional

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *